3º dia da Semana da Contabilidade conta com fóruns de Organizações Contábeis e Estudos Técnicos

Publicado em: 28 | 09 | 2017

Por Assessoria de Comunicação do CRCMG

No dia 28 de setembro, o III Fórum de Organizações Contábeis iniciou o terceiro dia da Semana da Contabilidade, evento realizado pelo Conselho Regional de Contabilidade de Minas Gerais (CRCMG). As palestras abordaram temas atuais da contabilidade e atraíram muitos profissionais da área.

A palestra de abertura do fórum, “Reforma trabalhista: o que muda para o empregador”, foi apresentada por Maria Antônia Santos de Almeida, chefe do setor de homologação do Ministério do Trabalho. Na ocasião, Maria Antônia explicou o que muda em alguns artigos da legislação trabalhista com as novas leis, que terão aplicação a partir do dia 11 de novembro de 2017. 

Dando sequência ao fórum, o advogado Marcelo Nogueira de Morais apresentou a palestra “As novas regras do Simples Nacional e seus principais impactos”. Marcelo Nogueira explicou ao público presente as mudanças de arrecadação do sistema e destacou a importância do profissional contábil neste cenário: “O contador tem um papel efetivo no crescimento da empresa, porque ninguém melhor do que ele, que tem acesso a arquivos e documentos da empresa, para projetar um futuro de crescimento.”. O palestrante falou, ainda, que um dos grandes problemas enfrentados pelas empresas optantes pelo Simples Nacional é a captação de recursos.

À tarde, foi realizado o III Fórum de Estudo Técnicos, que teve início com a palestra “Escrituração digital e as estratégias das empresas de serviço”, ministrada por Jesusimar de Oliveira Dornelas. Na ocasião, o palestrante falou sobre o Sped e seus impactos e sobre os desafios que o profissional da contabilidade tem encontrado com a sua implantação. “Além de estudar muito, temos que ter, como principal aliada, a tecnologia. A revolução tecnológica alterou nossa rotina. O processo de trabalho mudou muito, pois o serviço braçal diminuiu, mas a análise crítica ficou maior. Por isso, devemos capacitar nosso pessoal, investindo em treinamentos. ”, disse.

Em seguida, para finalizar o dia de palestras, o conselheiro do CRCMG, Alexandre Queiroz de Oliveira, abordou o tema “Compliance e a cultura de controles internos nas corporações”. Ele apresentou a definição do termo, os objetivos principais, a importância e os desafios encontrados pelas empresas, principalmente as menores e familiares.